Descubra o papel do enfermeiro na UTI

  • Publicado em 20/10/2017
  • Notícias Pós-graduação
  • 611

Nascendo de uma necessidade logística durante a Guerra da Crimeia, a unidade de terapia intensiva (UTI) trouxe consigo a evolução dos avanços tecnológicos e o anseio da segurança dos pacientes clinicamente instáveis, nesse contexto, a relação enfermeiro/ paciente tornou-se mais próximas.

O papel do enfermeiro na UTI consiste em obter a história do paciente, fazer exame físico, executar tratamento, aconselhando e ensinando a manutenção da saúde e orientando os enfermos para uma continuidade do tratamento e medidas, devendo cuidar do indivíduo nas diferentes situações críticas dentro da UTI, de forma
integrada e contínua com os membros da equipe de saúde.

Para esse fim, o enfermeiro de UTI precisa pensar criticamente analisando os problemas e encontrando soluções para os mesmos, assegurando sempre sua prática dentro dos princípios éticos e bioéticos da profissão.

Em seu artigo no blog Acessemed , Marêssa Ribeiro Guimarães, enfermeira da UTI do Hospital Geral de Vitória da Conquista-BA, destaca que no que se refere à educação o enfermeiro de Terapia intensiva, deve ter um compromisso contínuo com seu próprio desenvolvimento profissional, sendo capaz de atuar nos processos educativos dos profissionais da equipe de saúde, em situações de trabalho, proporcionando condições para que haja benefício mútuo entre os profissionais, responsabilizando-se ainda pelo processo de educação em saúde dos indivíduos e familiares sob seu cuidado, reconhecendo o contexto de vida e os hábitos sócioeconômico e cultural destes, contribuindo com a qualificação da prática profissional, construindo novos hábitos e desmistificando os conceitos inadequados atribuídos a UTI.

Marêssa Ribeiro Guimarães, conclui que o enfermeiro de UTI trabalha em um ambiente onde as forças de vida e morte, humano e tecnológico encontram-se em luta constante. Apesar de existirem vários profissionais que atuam na UTI o enfermeiro é o responsável pelo acompanhamento constante , conseqüentemente possui o compromisso dentre outros de manter a homeostasia do paciente e o bom funcionamento da unidade.

Invista no seu futuro hoje mesmo. A 4º Turma de pós-graduação em Enfermagem em Terapia Intensiva está com início confirmado para este sábado (21). Não perca esta oportunidade e qualifique-se na Esamaz.

Conheça mais sobre o curso e inscreva-se: https://goo.gl/ScAf53

Com informações do blog Acessemed