Matemática: profissão e mercado de trabalho

  • Publicado em 03/05/2017
  • Notícias Curiosidades
  • 721

Um dos caminhos mais comuns para o profissional formado em Matemática é seguir a carreira acadêmica. O professor de Matemática pode atuar em escolas de ensino fundamental e médio. Se optar por continuar os estudos fazendo mestrado e doutorado, este professor pode ministrar aulas em universidades.

Além de atuar como professor, o matemático pode contribuir significativamente em áreas como:

  • Economia
  • Medicina
  • Seguros
  • Engenharia
  • Informática
  • Finanças

 

Perfil do profissional formado em Matemática

O profissional que deseja seguir carreira em Matemática deve gostar de números, cálculos e de resolver problemas.

Para os que optam pela carreira acadêmica, é importante ter boa comunicação e saber se expressar com objetividade e clareza. Quem deseja trabalhar com pesquisa deve saber se expressar de maneira clara, além de ter disciplina e organização para se concentrar nos estudos.

Ter afinidade com tecnologia e linguagens de programação é importante para quem decide por trabalhar com Matemática Aplicada.

 

Mercado de trabalho para quem faz Matemática

O setor da indústria tem contratado matemáticos para desempenhar atividades antes realizadas somente por engenheiros. Em geral, dentro das empresas, os matemáticos trabalham juntamente com equipes multidisciplinares compostas por engenheiros, economistas, arquitetos, etc.

Na carreira acadêmica, este profissional encontra no mercado de trabalho um alto índice de empregabilidade. Existe uma carência de professores na educação básica em todas as regiões do país, principalmente nas cidades mais afastadas dos grandes centros urbanos.

 Fonte: Guia de Carreira.